A dieta hipocalórica

0
2635

Uma boa maneira de perder quilos? Uma das mais antigas, a dieta hipocalórica é também uma das dietas mais seguras. O peso é perdido de forma lenta, sem grandes efeitos negativos sobre o organismo e de forma muito eficaz. Único senão: implica muitos cálculos, o que torna uma simples refeição numa dura prova de matemática. A ideia base é bastante simples… Precisamos, em média, de 2000 a 2500 calorias por dia. Ora, se reduzirmos esta necessidade em 500 a 1000 calorias, o organismo vê-se obrigado a ir buscar as restantes às nossas reservas adiposas.

Estes valores podem ser adaptados conforme os desejos de cada um: pode-se fazer de 600, 800, 1000, 1200 ou 1500 calorias, segundo os efeitos pretendidos.

É essencial, assim, conhecer os nutrientes de cada alimento, bem como pesá-los constantemente para definir de forma exacta as doses – pelo menos até “apanharmos o jeito“.

Esta é uma dieta baseada em proteínas de alto valor nutritivo e acompanhada de suplementos de vitaminas e minerais. Permite ainda bebidas alcoólicas como o vinho ou a cerveja, os hidratos de carbono e os amidos. Açúcares e gorduras são postos de parte, mas nunca totalmente.

Se a curto prazo pode provocar desidratação e consumir os músculos, já a longo prazo os seus efeitos são bastante positivos.

Equilibrada e razoável, esta é uma dieta eficaz e amiga do nosso organismo. Lembre-se, no entanto, de ouvir a opinião de um médico ou nutricionista, especialmente se pretender fazer uma redução acentuada das calorias.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]