Queijo da Serra com leite em pó

2252
Queijo da serra
Queijo da serra

Foram recentemente descobertas diversas “falsificações” de queijo da serra, produzido com leite em pó neozelandês e fermentos químicos.

Um alerta aos apreciadores de Queijo da Serra. Parece que afinal nem todo o queijo produzido na Serra da Estrela é genuíno. Consta que diversos produtores têm utilizado leite em pó para produzirem “falsificações” do tradicional queijo português. Para além disso, chegam mesmo a falsificar certificados.

Naquela região demarcada existem apenas cerca de 30 produtores com certificados reconhecidos e que respeitam o processo artesanal e tradicional de produção. No entanto, são várias centenas de produtores que põem o seu produto à venda como sendo o original queijo da serra.

De acordo com o método tradicional – o método seguido pelos produtores certificados – o queijo é produzido a partir do leite de ovelha bordaleira, típica daquela região, coagulado com uma enzima vegetal, extraída da chamada planta do cardo. O que foi detectado recentemente por um estudo levado a cabo em laboratório foi que, em muitos casos, o leite utilizado não passa de um leite espanhol que não é mais que leite em pó importado na Nova Zelândia diluído em água, e em vez da enzima vegetal é utilizado um fermento químico para a coagulação do leite.

Infelizmente, por enquanto não é possível reconhecermos o original queijo da serra sem o provar, uma vez que todos eles são vendidos com certificado – geralmente falso. De qualquer forma fica o aviso, e o melhor será pagar um pouco mais e comprar queijo de uma das marcas de mais prestígio.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]