Os poderes do alho, o condimento mais utilizado na cozinha portuguesa

3653
Os poderes do alho
Os poderes do alho

O alho é um dos condimentos mais utilizados na nossa cozinha. Possuidor de essências aromáticas, o alho proporciona aos cozinhados um sabor surpreendente e bastante refinado. Conheça agora os poderes do alho.

Os pratos confeccionados com este condimento apresentam um paladar bastante agradável, embora as benefícios que este alimento proporciona possam ser um pouco ignorados e esquecidos se tivermos em conta o desagradável odor que deixa na boca. Fique pois a saber que cerca de 100 gramas de alho, correspondem a, sensivelmente, 134 calorias.

Os poderes do alho na alimentação

Na água, azeite, vinho, cozidos, carnes, peixes, legumes, vegetais ou cogumelos o alho é sempre um condimento que muitos portugueses não dispensam quando confeccionam as suas refeições. Nele estão reunidos inúmeros benefícios para o corpo.

Por isso, o alho deve ser digerido diariamente. Rico em vitaminas do complexo B, o alho evita problemas na pele, no aparelho digestivo, prisão de ventre, sendo também uma importante condicionante para o crescimento. O alho possui ainda uma boa quantidade de fósforo, imprescindível para a circulação sanguínea.

Benefícios do alho na saúde

Proporcionando um descanso mental importante, o alho compreende algumas características que permitem evitar o cancro. Há mesmo quem afirme que o alho é excelente para o bom humor, para além de ser um anti-gripal, preventivo de problemas cardíacos e respiratórios, antibiótico natural, ajudando também na atenuação de outros problemas e doenças que possam aparecer no ser humano.

Os poderes do alho, segundo reza a crença popular, estendem-se também a um nível afrodisíaco, mas nem sempre se recorre com intensidade ao seu uso devido ao mau hálito que provoca.

Factos curiosos acerca do alho afirmam que a primeira greve da história da humanidade sucedeu exactamente por causa desta planta. Consta-se que os escravos, que construíam as pirâmides do Egipto, deixaram de receber a sua porção diária de alhos, a partir de uma determinada altura. Como o mesmo escasseava no mercado não era possível entregar-lhes a dose diária, mas os escravos ignoraram tamanha realidade e deixaram automaticamente de trabalhar, por causa da falta de alho.

O alho é uma erva bulbosa da família das Liláceas, originária da Ásia e dos países mediterrâneos, sendo um condimento ao qual os povos já recorrem há cerca de 4 mil anos. Aliás, já os gregos recomendavam chá de alho para tornar a voz mais limpa e evitar gripes, bronquites e asma. O próprio Hipócrates chegava mesmo a recomendar os vapores de alho no tratamento de tumores.

Mais tarde, Pasteur descobriria no alho a sua função bactericida, e quando despoletou a I Guerra Mundial os médicos utilizavam uma pasta de alho para tratar as infecções dos pacientes.

A componente mais importante do alho é a alicina, a principal protagonista de todas as propriedades benéficas encontradas na planta. A alicina é um líquido amarelado, que só é possível observar quando o alho é esmagado ou mastigado, sendo também esta a componente responsável pelo intenso odor.

O alho, para além de todas as propriedades atrás referidas, equilibra também as taxas de colesterol, reduzindo a hipertensão e evitando a arteriosclerose antecipada.

Combinado com quase todos os alimentos, basta comer dois ou três dentes de alho por dia para que as acções do mesmo se façam sentir. Aumenta a imunidade contra um vasto número de agentes infecciosos, julgando-se que cerca de 72 infecções podem ser evitadas com o consumo desta planta. Em muitos países, como a Polónia ou a China, o alho é utilizado para combater uma série de doenças ou para prevenir o aparecimento de algumas delas.

O odor do alho parece ser o único impedimento para aumentar o seu consumo, mas fique a saber que se o consumir com ovos, feijões ou carnes, o cheiro será menos intenso. Mastigar um raminho de salsa, cravos da índia ou beber um copo de vinho tinto pode ser uma solução.

Os poderes do alho são variados e ajudam a que o organismo possa manter o seu equilíbrio sem problemas de maior. Tenha o cuidado de ingerir alho nas suas refeições e estará mais protegida contra doenças que possam surgir inesperadamente. Quanto ao odor, é seguir os conselhos que aqui lhe deixamos!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]