Saiba qual é o problema emocional que está associado á sua doença

2643
Saiba qual é o problema emocional que está associado á sua doença

Em muitas situações, o início de uma determinada doença é motivado a partir de problemas emocionais. é nesses distúrbios emocionais que se encontra a verdadeira causa da doença! Conheça-os!

Por alguma coisa nos é dito para mantermos sempre o nosso equilíbrio emocional. Este conselho não é apenas mais uma expressão fruto de conversa fiada, mas sim uma indicação que qualquer ser humano deve respeitar. O facto de não estarmos equilibrados a 100% do ponto de vista emocional, poderá originar alguns problemas a nível orgânico ou corporal – daí aquela dor de garganta ou de dentes!

Estar sempre insatisfeita com a vida, rodeada de problemas, e levando a vida com uma grande dose de negativismo, sem tão pouco adoptar uma posição mais neutra, é o ponto de partida para que as doenças no corpo possam manifestar-se. Na realidade, e se pensar bem, somos nós os verdadeiros causadores do aparecimento de determinadas doenças, motivadas a partir de uma má conduta da nossa parte.

Deste modo, talvez não seja por acaso que não consegue ver-se livre dessa alergia, gastrite ou obesidade. A verdade é que a cada problema do nosso corpo está relacionado um determinado desequilíbrio emocional, forma de agir, ou modo de encarar problemas.

Fique desde já a saber, e a compreender, o porquê de alguns problemas e doenças surgirem, mesmo que para eles você não encontre explicação aparente:

  • Alergias – aparecem nas pessoas que se irritam com tudo e todos ao seu redor, mesmo com as atitudes mais insignificantes.
  • Anemia – falta de confiança em si mesmo
  • Asma – complexo de culpa, raiva, frustração
  • Bexiga – os problemas de bexiga são um sinal de que a pessoa tem tendência a guardar as dores e problemas para si mesma.
  • Bulimia – ódio profundo em relação à sua pessoa
  • Coluna – os problemas de coluna surgem em pessoas que gostam de fazer tudo sozinhas, não solicitando nunca a ajuda de ninguém
  • Dentes – os problemas nos dentes são sinónimo de atritos com/na família. Se você é a pessoa responsável pela família, talvez esteja a dar demais de si mesma, mas se você é apenas um membro comum, sem funções acrescidas, é provável que a sua família esteja a passar por um período controverso.
  • Fígado – pessoas que têm tendência a guardar os ódios, rancor e raiva dos outros para dentro de si mesmas
  • Garganta – medo de se exprimir oralmente, frustrações, e receio das mudanças
  • Gordura localizada – pessoas que nunca tiveram o carinho e amor necessário por parte da mãe quando eram crianças. Esta carência está no seu íntimo mais profundo.
  • Mãos – problemas nas mãos é sinal de que a pessoa não gosta de gastar dinheiro.
  • Obesidade – insegurança
  • Pés-  pessoas que sentem ter uma grande dificuldade em conseguir que os outros aceitem a sua opinião, mas é também um sinal de que a pessoa não se compreende a ela própria
  • Pescoço – pessoas extremamente teimosas e inflexíveis
  • Varizes – pessoas que exigem que tudo tenha que ser feito à sua maneira e vontade

Agora é bem mais fácil perceber o motivo de determinado problema emocional não desaparecer. Sugerimos-lhe que modere um pouco a sua personalidade e seja mais equilibrada!

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]