A Mensagem das Doenças

1009

É comum termos algumas doenças, ou simplesmente algumas dores, em determinados locais do nosso corpo. Mas sabia que essas dores são o espelho da nossa personalidade?

Quantas de nós já não tivemos uma dor no pescoço? E uma dor de dentes? A verdade é que há pessoas que sofrem bastante com estas dores intensas que, não revelando uma doença de cariz fatal, podem ser um sinal evidente da nossa personalidade. Ou julga que é por acaso que você desde a adolescência tem dores de dentes?

As dores que você tem muitas vezes traduzem também problemas na nossa aura. Esses problemas derivam, acima de tudo, de estados emocionais perturbadores que acabam prejudicando o nosso quotidiano existencial. O nosso comportamento diário pode interferir no despoletar de determinadas doenças, acabando por sermos vítimas desta ou daquela dor. O negativismo, tão característico na vida de tantos seres humanos, pode ser uma das causas cruciais para o cenário na vida de alguém.

Por isso, cada dor tem implícita a si uma mensagem especial que compete a cada ser humano descodificar. Assim, a cada órgão do corpo é atribuída uma realidade específica, e a dor nesse órgão insinua também uma necessidade de transformação num campo da sua existência. Os dentes, por exemplo, representam a família. O excesso de responsabilidade no lar ou a necessidade de ser o ponto de equilíbrio do mesmo pode ser um dos motivos que o leve a ter essas dores de dentes. Talvez deva, por isso, pensar um pouco mais em si e não assumir tantas responsabilidades!

Problemas de rins são sinónimo límpido de crises emocionais. As pessoas que estão a atravessar uma fase emocional difícil, ou que sempre tiveram uma vida emocional bastante instável, é normal que comecem a desenvolver, ou que sempre tenham tido, problemas nos rins. A teimosia por, exemplo manifesta-se em problemas de pescoço. Pessoas exageradamente flexíveis com os outros e com o mundo que as rodeia têm muitas vezes dores no pescoço. Aconselhamo-la a dar um pouco mais o benefício da dúvida às pessoas que a rodeiam para que as dores no pescoço tenham tendência a diminuir.

Os problemas e as dores nos ossos demonstram que você é uma pessoa extremamente crítica em relação aos outros. Além de extremamente crítica, você age também com muita persistência, embora esse género de persistência seja muitas vezes cega podendo vir a prejudicá-la posteriormente. A tendência para se isolar e conseguir alcançar todas as metas isoladamente reflecte-se também nas suas dores nos ossos. Outro sinónimo evidente de um traço de personalidade que está presente numa doença é a anemia. A anemia é o espelho da falta de confiança e determinação que você não deposita em si.

É também comum as pessoas terem dores de estômago. Estas dores são a revelação de que você é muito rancorosa e que guarda toda a raiva e rancor dentro de si. Assim, você guarda um excesso de rancor e raiva muito forte em relação a algo ou alguém. Problemas de respiração denotam também que você tem uma necessidade enorme de fazer muitas coisas ao mesmo tempo, atrapalhando-se, e sofrendo depois com isso. Aprenda a fazer uma coisa de cada vez, e não se atropele nos seus afazeres e desejos.

 

Já compreendeu agora o porquê dessas dores de dentes que não a largam há anos? Provavelmente, agora passará a encarar as dores de outra forma! Não se esqueça que por trás de uma dor está sempre o uso excessivo de um traço da sua personalidade. Modere-o, e corrija-se a si mesma pelo seu bem estar físico e psicológico!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]