Cabelos pintados: escolha a cor e o estilo de acordo com o seu tipo de pele

12965
Cabelos pintados: escolha a cor e o estilo de acordo com o seu tipo de pele
Cabelos pintados: escolha a cor e o estilo de acordo com o seu tipo de pele

Mudar está na nossa natureza, nem que seja simplesmente alterando a cor do cabelo ou esconder alguns cabelos mais grisalhos que teimam em aparecer. Usar os cabelos pintados é hoje em dia tão comum como aplicar maquilhagem.

Produtos para pintar o cabelo

Desde os antigos egípcios que se têm vindo a desenvolver técnicas de coloração dos cabelos, como aplicar cal viva para obter o louro ou sangue de bezerros pretos para obter o negro, passando pela aplicação de produtos como gema de ovo, água oxigenada, cinzas, açafrão e muitos outros ditados pela imaginação humana.

O mercado actual oferece uma variada gama de cores com a vantagem de serem preparadas com base em tecnologias avançadas e com elementos que garantem a protecção dos cabelos, quer sejam à base de produtos industriais ou naturais.

A faixa etária de mulheres e homens que pintam o cabelo é muito variada e as opções passam pela pintura total, madeixas ou simples reflexos. As formas de pintar o cabelo vão desde a aplicação de tinta, farandol, tom sobre tom, shampoos e cremes colorantes para usar em casa, aos simples gel ou espuma coloridos para ocasiões especiais.

Coloração do cabelo

Para uma coloração mais duradoura, deve antes de tudo consultar a sua cabeleireira, que já conhece o seu tipo de cabelo e que pode aconselhar melhor sobre o método a utilizar. Não se esqueça que, uma vez alterada a cor do cabelo, terá de a manter assim por algum tempo, porque alterá-la de novo num curto espaço de tempo não é saudável para o cabelo.

No salão, ver-se-á por certo face à opção entre o farendol ou o tom sobre tom, termos usados para a aplicação de cores com produtos diferentes. O primeiro permite que os cabelos aguentem melhor a cor, mas os tons ficam mais fracos que os de tinta, ao passo que o farandol sai com as lavagens, tendo portanto um tempo de vida mais curto, perfeito para uma primeira experiência de cor.

As madeixas

As madeixas, em que se pintam apenas pontos estratégicos, são ideais para avivar uma cor ou esconder cabelos brancos, dando um aspecto natural ao cabelo.

Se desejar pintar o cabelo de um tom muito diferente do seu tom natural, terá de realizar primeiro uma descoloração, após a qual será aplicado o tom escolhido.

Como escolher a coloração para o seu cabelo

Quando pintar o cabelo deve ter em conta três factores muito importantes que são a cor da sua pele e dos seus olhos, o processo que pode escolher e que lhe permita manter o tom por que optou e a duração de cada coloração, para que não seja sacrificada a saúde dos seus cabelos.

Estes factores vão permitir que o tom que escolheu lhe dê o aspecto natural, bonito e bem adaptado à sua personalidade.

Se a sua pele tem um tom mate

No caso de ser uma pessoa com a pele de tom mate, o ideal são as cores negras ou escuras sem excesso de vermelhos, ao passo que são muito desfavoráveis os cabelos demasiado claros porque acentuam o ar macilento da pele.

Se a sua pele tem um branco pálido

Se é branca e pálida, o seu rosto não suporta bem os cabelos muito escuros, no que resulta um efeito demasiado exótico para o dia a dia, pelo que é aconselhável os tons ruivos e quentes ou os loiros, se forem enriquecidos com reflexos dourados para quebrar a monotonia.

Tom de pele rosado

Os rostos naturalmente rosados ficam bem com cabelos castanhos ou tons mais ruivos e escuros. Se desejar aclarar, opte então por dar-lhe reflexos.

Rostos com pele esbatida e cansada

Rostos de tom mais esbatido e peles cansadas não ficam bem com cores planas nem pintura da cor natural do cabelo. O melhor é fazer uma coloração mais clara ou reflexos de um tom médio.

Cuidados com cabelos pintados

A beleza dos cabelos pintados não termina quando sai das mãos da cabeleireira. Cabe-lhe a si prolongar os efeitos da coloração e prover cuidados especiais ao seu cabelo.

A aplicação de tintas tem tendência para secar os cabelos pintados e levá-los a partir com mais frequência, porque deixam o cabelo fragilizado e com tendência a espigar, uma vez que actuam sobre a queratina, a substância que reveste o fio de cabelo.

A solução passa por usar sempre um shampoo e amaciador para cabelos pintados, escolhendo uma gama que lhe proporcione, não apenas a fixação da cor como também o tratamento e a protecção dos seus cabelos.

Classificação
A sua opinião
[Total: 3 Média: 2.3]