Queda do cabelo, conheça as causas e as precauções

1837
Queda do cabelo no Outono
Queda do cabelo no Outono

Existem alturas nas quais é comum o cabelo ter tendência a cair com mais facilidade, como é o caso da Primavera e Outono. Mas, e quando a situação se verifica em demasia, convém tomar precauções!

Queda do cabelo

Quantas vezes já não acabou de lavar o cabelo e se assustou com a quantidade de cabelos que lhe caíram? Certamente, várias! A queda do cabelo é normal, desde que com determinados limites, havendo um maior risco do homem ficar sem cabelo do que a mulher.

O motivo que leva a que o homem possa ficar sem cabelo com uma maior facilidade que a mulher está relacionado com causas genéticas, que acabarão por ditar a fase em que o homem ficará, possivelmente, quase careca, ou mesmo careca.

Desta forma, quando na mulher se constata uma queda de cabelo anormal, para a qual não está à espera, sem revelar um motivo visível, é sinónimo de que algo não está bem, mesmo que essa situação/problema seja meramente passageiro. Ainda assim, saiba que existem inúmeros factores que podem estar a ser responsáveis pela queda de cabelo, desde factores externos até a hipotéticas infecções.

Quantas vezes você já não descolorou o cabelo? Possui algum cuidado em particular quando o expõe ao sol? Quantas vezes é que você já fez ondulações e pintou o cabelo? A verdade é que estes factores, de ordem estética, podem estar na origem dessa queda de cabelo excessiva.

Não basta apenas querer mudar de estilo e visual! É preciso tratá-lo através de bons produtos, cuidar dele da raiz às pontas, e ter a noção que todas essas transformações de visual podem ter consequências menos desejáveis.

De salientar que as agressões do vento, frio, ou as lavagens com produtos de qualidade reduzida, sem assegurarem a protecção e hidratação do cabelo, podem estar também na origem da queda de cabelo excessiva.

Existem ainda outros motivos que justificam esta situação, como é o caso de queimaduras no couro cabeludo, lesões traumáticas, ou radioterapia. Micoses ou formas específicas de herpes podem ser outras das causas para a queda de cabelo.

Lógico que é complicado para si, totalmente leiga na matéria, perceber o que está a suceder. Todavia, é indicado consultar um dermatologista a partir do momento em que constatar que a situação já ocorre há algum tempo.

Só nessa altura poderá ter a certeza do que está realmente a acontecer! Ainda assim, e embora fique ciente de quais são as causas, isso não implica que ignore os cuidados essenciais com o couro cabeludo.

A queda de cabelo é um problema que preocupa homens e mulheres, verificando-se, por vezes, pessoas ainda jovens mas já com grandes falhas de cabelo.

Existem situações distintas das anteriores que desempenham um papel prejudicial para a saúde do cabelo, podendo levar igualmente à sua queda excessiva, como estados de nervos intensos, stress excessivo, o período após a gravidez, momentos antes e depois de intervenções cirúrgicas, ou uma alimentação extremamente deficiente, escassa de elementos como o ferro, magnésio, cálcio, ou potássio.

De realçar, igualmente, que no período de mudança para a estação da Primavera e do Outono é comum os cabelos caírem em maior abundância, mas esta situação é comum a quase todas as pessoas, por isso não tem que se preocupar. Além do mais, esses cabelos que caem vão dar lugar a cabelos novos, tratando-se de um ciclo de renovação perfeitamente natural do cabelo.

O importante é tratar muito bem do cabelo! E, sempre que registar algum problema, não hesite em contactar um especialista!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]