Dores nas costas, conheça os hábitos que deve mudar

1809
Dores nas costas
Dores nas costas

A campanha Olhe pelas Suas Costas alerta para as posturas corporais incorrectas durante o sono, de forma a prevenir as dores nas costas e as doenças que afectam a coluna que representam mais de 50 por cento das causas de incapacidade física e são uma das principais causas de ausência no trabalho em todo o mundo.

Como prevenir as dores nas costas

É preciso evitar dormir em sofás, em colchões macios, ou sobre almofadas pois podem provocar zonas de sobrecarga sobre a coluna e os músculos e prejudicar a estabilidade da coluna vertebral.

A escolha da almofada deve ser criteriosa:

  1. Se costuma deitar-se de lado deve dar preferência a uma almofada mais alta e firme, que permita manter um alinhamento correcto entre a cabeça, o pescoço e a coluna;
  2. Se dorme de barriga para baixo deve optar por uma almofada mais baixa e flexível;
  3. Se dorme de barriga para cima a escolha deve ser uma almofada de dureza média, ajustada à curvatura do pescoço e que permita um bom apoio da cabeça.

Um estudo indica que 32 por cento dos portugueses sofre de dores nas costas diariamente e 65 por cento já tem essas dores à mais de 5 anos. 28,4 Por cento dos portugueses sente que a sua actividade profissional já foi prejudicada ou comprometida de alguma forma pelo facto de ter dores nas costas.

A campanha Olhe pelas Suas Costas foi uma iniciativa da Sociedade Portuguesa de Patologia da Coluna Vertebral, da Sociedade Portuguesa de Ortopedia e Traumatologia e da Sociedade Portuguesa de Neurocirurgia.

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]