A Cura para a Impotência

3939
Impotência sexual
Impotência sexual

A impotência sexual é um problema que afecta inúmeras pessoas, chegando a colocar em causa o papel sexualmente activo do ser humano, este problema tem vindo a afectar psicologicamente muitos homens e mulheres, em especial aqueles que sofrem de diabetes e de doenças cardiovasculares.

A aplicação daquela que se julga ser a solução para o problema da impotência, surge como um milagre para todos aqueles que se deparam com este problema. Medicated Urethral System for Erection, denominado abreviadamente por Muse, é a chave que permite a fuga do labirinto das dúvidas e dos problemas sexuais. Este sistema descartável e estéril, deposita na uretra masculina uma substância vasodilatadora, actuando de imediato no pénis. A substância está contida na ponta de um aplicador de polipropileno, apresentando a forma de um cilindro uretral.

Este medicamento, é de fácil utilização e muito confortável para os seus utilizadores. Além do mais está provado que em muitos casos, os homens são impotentes devido a problemas orgânicos, mas muitas das vezes, também têm como fonte de nascimento o foro psicológico. As causas orgânicas exactas da impotência, centram-se em motivos relacionados com os nervos, doenças vasculares e diabetes.

O Muse não é doloroso, ao contrário de outros medicamentos que implicam muitas injecções, às quais muitos homens oferecem alguma resistência e receio devido à dor. Com o Muse, há de imediato uma acção nos vasos sanguíneos do pénis, permitindo a erecção do mesmo. Preocupações posteriores ao nível de problemas cardiovasculares, após a realização deste método, não têm surgido. Isto demonstra, uma eficácia quase total em todos os homens, mesmo os que sofrem de diabetes.

A relação afectiva melhora substancialmente, independentemente da idade do doente. As pessoas que sofram de diabetes, podem ver assim o seu caso resolvido. O factor que motiva a impotência em diabéticos tem a ver com o seguinte: as fibras nervosas do sistema autónomo ficam danificadas com os diabetes, e o fluxo sanguíneo nos tecidos erécteis diminuem, o que origina a falha da erecção. Com a existência do Muse, os diabéticos podem estar mais descansados, tal como aqueles doentes com risco de retinopatia.

A impotência está não só relacionada com os diabetes, como também com os problemas cardiovasculares. Com problemas deste género, as pessoas com mais de 65 anos, devem ser submetidas a alguns testes para ver se não há problema de administrar o Muse.

O caso do Viagra revelou-se muito útil, mas a sua administração a pacientes com doenças de coração, deu origem a alguns finais fatais. Por isso, são necessários testes para provar que não há problemas, pois o que é fundamental nestes tipos de tratamentos é a segurança e verificar até que ponto, a cura de um mal não provoca o agravamento do outro.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]