A Irreverência de John Galliano

1669

John Galliano sempre nos surpreendeu com as suas colecções e acessórios que correram o mundo inteiro. Mas, surpresas como as últimas que Galliano protagonizou eram impensáveis.

John Galliano surpreendeu tudo e todos quando apresentou a sua colecção baseada numa mistura de estilos irreverentes e verdadeiramente inesperados. O luxo com o qual habituou, através das suas colecções, os seus seguidores e o público em geral deu lugar a um estilo rebelde e totalmente diferente para aquilo que se esperava do criador.

Numa linha muito longe dos requintes e dos toques de luxúria de colecções passadas, John Galliano apresentou a sua colecção misturando o ‘desmazelado’ com o irreverente, a surpresa com o inesperado. Um dos factores menos previsíveis foi o facto de Galliano ter incluido também, nesta estranha colecção, a casa Dior.

Um entrelaçar de grunge e colorido, de crachás e correntes foram os motes utilizados por John Galliano. Era de estranhar a predominância de correntes, remendos, blusões de ganga gastos e rasgados, e mini saias de um colorido diverso, num estilo demasiadamente ‘grunge’ e que em nada fazia prever uma apresentação de roupa, proveniente de John Galliano, com tamanho cenário .

Calças de ‘nylon’ e anoraques puseram completamente de parte um desfile que poderia mudar, porventura, de linha e visual. Todavia, isso não aconteceu, e Galliano misturou a Adidas, com a casa Dior, mais correntes, remendos e crachás de estrelas rock, como se de um desfile de adolescentes irreverentes se tratasse.

Galliano soube misturar várias tendências e motivos dentro de um próprio estilo, mas a colecção jamais se pensaria que pudesse remeter para moldes de eloquência juvenil. Galliano naturalmente surprendente, multifacetado e eternamente criativo…

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]