Cuidados a ter com a higiene íntima das mulheres

1591
Cuidados a ter com a higiene íntima das mulheres
Cuidados a ter com a higiene íntima das mulheres

Muitas mulheres, utilizam produtos não muito aconselháveis na sua higiene íntima pelo receio de não estarem correctamente limpas. Chega-se mesmo a cair no exagero e no abuso da limpeza, movidas pelo medo de odores desagradável.

Cuidados a ter com a higiene íntima das mulheres

A higiene é uma necessidade de qualquer ser humano. Garantindo a limpeza e o conforto, há certas regras que devem ser seguidas à risca. A higiene íntima das mulheres, é por isso o primeiro passo para que se sinta limpa, evitando os maus odores e o aparecimento de micróbios.

Lavar-se e limpar-se devidamente, corresponde às regras básicas para que consiga estabelecer uma estabilidade de limpeza no seu corpo e na sua intimidade. Assim, muitas mulheres, utilizam produtos não muito aconselháveis na sua higiene íntima pelo receio de não estarem correctamente limpas.

Chega-se mesmo a cair no exagero e no abuso da limpeza, movidas pelo medo de odores desagradáveis ou de micróbios de difícil desaparecimento.

Importa realçar que, a utilização de determinados antissépticos para a higiene íntima em nada favorecem o bem-estar dos órgãos sexuais femininos. A limpeza perfeita, deve ser realizada com um sabonete de Ph neutro, pois não há nenhum produto por mais eficaz que seja, que o consiga substituir na totalidade.

O sabonete que se adequa a uma mulher pode provocar irritação em outra, por isso deve experimentar qual o que melhor serve para si e para sua higiene vaginal. A escolha é totalmente sua e independente, do qualquer conselho de alguma pessoa.

Os sabonetes ácidos existentes no mercado, não são nada aconselháveis se está no momento, com uma micose. Não se assuste, se no momento estiver com uma pois, o seu aparecimento é perfeitamente normal.

A sua origem é muitas das vezes motivada, por alterações hormonais e nada mais que isso. Podem ainda aparecer micoses devido a stress ou fadiga, ou serem oriundas de outros motivos, que à partida não apresentam gravidade.

As micoses nada têm a ver com a falta de higiene, portanto não exagere na sua higiene diária, apenas porque está com alguma comichão ou irritação vaginal. Acima de tudo, é imprescindível consultar de imediato um especialista e não começar a utilizar produtos, sem recomendação do médico.

Para além das lavagens diárias, evite usar calças apertadas ou roupas interiores sintéticas bem como, não utilize tampões durante um tratamento anti-micótico ou infecioso. Nunca aplique desodorizantes nas suas partes genitais, e não se lave mais que duas vezes por dia.

Seque-se correctamente e abundantemente, após lavar-se e quando sair da zona de uma piscina, não se mantenha com o fato de banho molhado por muito tempo.

A sua higiene depende de lavagens contínuas com um sabão apropriado, ou mesmo com água corrente e límpida, sem se utilizar qualquer outro produto. Convém não abusar das lavagens, porque tudo o que é em demasia, também não faz muito bem à sua higiene.

Agora, ponha de parte esses produtos que utiliza e que só fazem mal à sua higiene e siga os nossos conselhos simples, mas que são o essencial para uma boa higiene íntima de todas as mulheres.

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]