Já pensou trabalhar em casa, em regime de teletrabalho?

2093
Já pensou trabalhar em casa, em regime de teletrabalho?
Já pensou trabalhar em casa, em regime de teletrabalho?

Falamos de teletrabalho quando nos referimos ao uso das tecnologias de informação e comunicação de modo a permitir realizar trabalho a uma determinada distância do local onde essa tarefa seria tradicionalmente executada.

O que é o teletrabalho

Esta definição é algo abrangente, mas não se trata apenas, como por vezes se supõe, de trabalho executado em casa. Em casa podem fazer-se mailings, serviços de costura ou cozinhar para fora, e nestes casos não se trata de teletrabalho. No entanto, e apesar de não abranger todas as formas de trabalho executadas em casa, este conceito engloba uma vastíssima gama de hipóteses de trabalho.

A mais usual é talvez a execução de tarefas para um determinado empregador com o qual se possui um contrato de trabalho que não implica a presença do trabalhador na empresa ou nas instalações do cliente.

Nos últimos anos, a evolução das tecnologias da informação e das comunicações teve um tal incremento que nos obriga a dizer a todo o momento que o mundo ficou mais pequeno. Comunicar em instantes com o outro lado do planeta, enviar documentos em segundos e sem a as imperfeições dos faxes, procurar cursos de pós-graduação na China ou nos Estados Unidos, fazer compras sem sair de casa…

Estas e outras modificações no nosso dia-a-dia foram sendo introduzidas e desenvolvidas, nos últimos tempos, através da Internet e o número de utilizadores em todo o mundo não pára de aumentar, tornando reais muitas das coisas com que há relativamente pouco tempo apenas era possível sonhar.

É claro que o mundo do trabalho não deixou que a evolução lhe passasse ao lado, e não tardaram a conhecer-se novas alternativas e oportunidades de emprego. Se bem que, hoje em dia, o termo “teletrabalho” é ainda pouco habitual, o conceito em si está a tornar-se cada vez mais integrados no nosso quotidiano.

Quando falamos de teletrabalho, há que levar em consideração o facto de Portugal estar ainda na infância da Internet e das comunicações em geral, e por isso o desenvolvimento deste conceito no nosso país tem sido lento.

Contudo, já assistimos à criação de algumas experiências pioneiras que pretendem introduzir este sistema no mercado de trabalho nacional e que irão influenciar profundamente a evolução do mercado de emprego no nosso país. Afinal, o teletrabalho oferece significativas vantagens para empregadores, empregados, freelancers e empresários.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]