Uma depilação eficaz

0
789

A depilação, nem sempre teve um carácter de obrigatoriedade, para as mulheres. Só a partir dos anos 50, se tornou um hábito incontornável para a maioria das mulheres europeias.

A depilação, nem sempre teve um carácter de obrigatoriedade, para as mulheres. Só a partir dos anos 50, se tornou um hábito incontornável para a maioria das mulheres europeias. Existem numerosos métodos, dos quais destacamos cinco deles, para que fique a conhecer várias alternativas de depilação.

Independentemente da estação do ano, há hoje uma necessidade de ter pernas lisas, bonitas e sem pêlos. Importante será então, conhecer alguns métodos para depilação, quer sejam aplicados tanto às pernas, ou a outras partes do corpo, como as axilas, virilhas e buço. Assim, apresentamos algumas alternativas de depilação, umas mais dolorosas e mais eficazes que outras, porém só assim poderá escolher, a que mais se adequa ao seu caso.

Os métodos menos dolorosos, por sinal, são os menos eficazes, pois cortam os pêlos ao invés de os arrancar, o que faz com que estes métodos tenham uma curta duração. Para que a sua depilação dure, aproximadamente três semanas, é necessário arrancar os pêlos pela raiz, o que torna este processo, algo doloroso, mas eficaz.

Podemos destacar cinco métodos de depilação que são a lâmina, os produtos depilatórios, a cera, a máquina depilatória, a electrólise e a depilação a laser, e por fim, os descolorantes que embora não sendo considerado como produto de depilação, disfarça a existência dos pêlos. Mas, antes de explicar cada método, deixamos-lhe uma lista de cuidados a ter, antes da depilação.

Comece por limpar muito bem a pele da zona a depilar, com um sabão de PH neutro, de seguida, utilize uma loção pré-depilatória que ajuda a amolecer os pêlos, tornando assim a depilação menos dolorosa. Antes da esfoliação, faça abrir os poros da pele, com água morna. De seguida faça uma esfoliação da pele, se não o faz regularmente, no dia da depilação tente fazer, pois ajuda a eliminar os pêlos encravados. Depois da depilação utilize um leite corporal hidratante ou óleo de amêndoas doces, evitando assim qualquer irritação da pele depilada, pois esta encontra-se agora, particularmente sensível.

Métodos Depilatórios:

1 – Lâmina: Trata-se de um dos métodos de depilação sem dor, de que se falava atrás. Tal como também foi dito, este método corta os pêlos e por isso, embora seja rápido a sua durabilidade é muito curta, durando apenas, cerca de uma semana. Este método é, no entanto, aconselhado para pessoas que sofrem de má circulação.

Disponíveis nos hipermercados, pode utilizar máquinas depiladoras manuais, destinadas a mulheres, tendo estas máquinas um formato mais arredondado e algumas “grades” para que não se corte. Se se decidir por este método, deve utilizar uma espuma depiladora que amacia a pele e fazer a depilação sempre no sentido de crescimento dos pêlos. Para finalizar, aplique um creme para pernas, para que a pele recupere a hidratação

2 – Produtos depilatórios:

Existem na forma de stick, sprays, gel, mousse, leite ou creme e também estão disponíveis em qualquer rede de hipermercados. Estes produtos, por meio de agentes químicos, penetram na pele, quebrando os pêlos. Mais um método indolor, rápido e de curta duração (também cerca de uma semana). Pode ser utilizado na depilação das virilhas, pernas e axilas e são facilmente removíveis com água. Qualquer um destes produtos, deve ser espalhado muito bem sobre a pele limpa e seca. Deve de seguida, espalhar o produto com a espátula, esperar o tempo de actuação e remover o produto com água tépida. Não se esqueça de aplicar, por fim, o creme hidratante, o que se aplica a qualquer um dos métodos aqui expostos.

3 – Cera:

Método de depilação que dura entre três, a quatro semanas, pois arranca os pêlos pela raiz. Disponíveis numa vasta gama de texturas e cores, este método subdivide-se em cera quente e fria. Ambas de resultados eficazes, é na utilização, que estes métodos variam. A cera quente é indicada, para quando os pêlos tiverem cerca de 4 a 5 mm de comprimento. Deve ser muito bem espalhada, até se obter finas camadas sobre a pele.

Aplicada uniformemente no sentido de crescimento dos pêlos, deve ser removida no sentido contrário. Para lhe ajudar na aplicação da cera quente, já existem no mercado, pequenas máquinas que aquecem a cera no seu interior e a sua aplicação é feita através do roll-on, que facilita em muito, esta tarefa. Se sentir uma leve sensação de calor, após a depilação, pode passar um pouco de gelo sobre as pernas, a fim de aliviar esta sensação.

Quanto ao segundo método, bem mais prático, existem bandas de cera fria que se aplicam directamente sobre a pele, bastando aquecê-las um pouco com as mãos, estando posteriormente, prontas a usar.

4 – Máquinas depiladoras:

Os pêlos são arrancados pela máquina, só voltando a crescer após a terceira semana. As máquinas funcionam a electricidade e a sua bateria pode ser carregada, permitindo uma maior mobilidade, deste prático método.

5 – Electrólise e depilação laser:

Relativamente recentes, estes métodos proporcionam uma depilação definitiva, através da destruição do próprio pêlo e do local onde ele nasce. De todos, o método mais dispendioso é no entanto, o mais seguro e eficaz. Ambos, devem ser seguidos por médicos especialistas e nunca utilizados sobre peles bronzeadas.

6 – Descolorantes:

Estes produtos servem para disfarçar a visibilidade dos pêlos. Os descolorantes nunca devem ser utilizados sobre a pele húmida, por isso desaconselhada a sua utilização, após o banho e também não podem ser aplicados sobre uma grande extensão da pele.

Desaconselha-se por fim, a utilização destes produtos após uma exposição solar. Devem ser, por sua vez, sempre removidos com água fria.

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 1]