A festa das rosas de Indu Sundaresan

1229
A festa das rosas de Indu Sundaresan
A festa das rosas de Indu Sundaresan

Da autoria de Indu Sundaresan, A Festa das Rosas tem a sua publicação a cargo da Bizâncio. Um romance de grande qualidade literária que vem no seguimento da primeira obra da autora que nos leva a entrar na corte da Índia do século XVII, dando-nos a conhecer a cultura vigente na Índia e os acontecimentos históricos da época.

A festa das rosas

A história de amor entre o imperador Jahangir e Mehrunnisa iniciada em A Vigésima Mulher continua neste belo e exuberante romance.

Mehrunnisa, mais conhecida como a imperatriz Nur Jahan, entra no harém de Jahangir como a sua vigésima e última mulher. Quase desde o início da sua vida de realeza, não se adapta às normas estabelecidas na corte da Índia do século XVII.

Mehrunnisa é a primeira mulher com quem o imperador casa por amor, com a idade avançada de trinta e quatro anos. Ama-a com uma tal intensidade que acaba por transferir a sua soberania para ela.

A Festa das Rosas é a história deste poder e deste amor, a história do poder por detrás de um véu. Indu Sundaresan nasceu e cresceu na Índia, tendo-se diplomado em Economia nos Estados Unidos da América.

Publicou pequenas histórias em The Vincent Brothers Review e em iVillage.com. estreou-se na literatura com A Vigésima Mulher, romance já publicado pela Bizâncio. Vive na zona de Seattle, Washington.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]