Um novo emprego – uma nova oportunidade

1512
- pub -

O vestuário é muito importante para a sua imagem. Já não é uma estudante a tentar marcar uma presença, mas sim uma profissional.

Qualquer mudança provoca sempre ansiedade e tensão, tanto mais quando se trata de um novo emprego, com todas as alterações que vai trazer à sua vida pessoal e profissional.

Mas também o novo emprego implica o conhecimento de novas pessoas, de novos comportamentos, de uma nova cultura e de novos locais, entre outros factores. Não se baseie para avaliação nas primeiras impressões que recebe. è natural que todos a olhem com alguma desconfiança, o que vai desaparecer logo depois dos primeiros dias.

Se este for o caso de um primeiro emprego, terminada a época de estudante, a situação que vai encontrar é completamente diferente. Para isso deverá aprender bem a organização e a estrutura hierárquica da empresa, adaptar-se a uma nova gestão do tempo e integrara-se nas relações sociais que se lhe apresentam. Em caso de dúvida, trate a todos por "você" ou "senhor", pois os colegas podem não gostar de familiaridades, pelo menos a princípio e tenha o máximo de cuidado com a linguagem.

O vestuário é muito importante para a sua imagem. Já não é uma estudante a tentar marcar uma presença, mas sim uma profissional. Tem de respeitar as normas da empresa, quer seja nas cores, quer seja no tipo de vestuário, sempre tendo em vista o sentir-se bem consigo mesma, para o que pode encontrar um meio termo. Aproveite agora para por em prática os truques que aprendeu sobre como maquilhar-se e pentear-se.

Nas características do novo emprego, tem de aceitar que existem tarefas monótonas e tarefas mais interessantes, mas é quase de regra geral que os primeiros lhe caibam a si. É uma forma de estudarem as suas capacidades, não arriscando demais.

Nas relações directas com os colegas e as chefias, esforce-se por criar uma boa relação, e tente descobrir o que esperam de si. E não fique aborrecida se o primeiro contacto com o seu chefe corre mal. Podem existir muitas razões para tal. Se ele for agressivo ou esquivo, espere que ele fale e mantenha sempre a calma.

No caso da situação continuar, tente saber as razões e se é assim com toda a gente ou apenas consigo e tome a atitude que achar correcta, como falar com ele sobre isso ou com outro superior.

Se tiver oportunidade de trabalhar com a pessoa a quem vai substituir, faça-lhe saber que ele é uma pessoa importante para o seu futuro desempenho. Será ele quem lhe vai dar as instruções para o futuro, mas tente saber primeiro que tipo de pessoa é e quais as razões por que vai sair. Um pouco de espionagem não faz mal nestes casos, pois só vai protege-la para o futuro. Nestas reuniões tente saber o máximo acerca dos meios, das relações, da organização e das responsabilidades que vai enfrentar. Não tente ser uma cópia do anterior, mas sim fazer melhor do que ele.

Prepare-se para algumas ratoeiras como as falsas promessas de regalias, a fragilidade financeira da empresa e muitos outros factores. Terá de pensar bem sobre o continuar ou não no local e quais as consequências desse acto.

Se este não for o caso, parabéns pelo seu novo emprego, mas não deixe de olhar a novas oportunidades.

. pub .

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]
- pub -