São Valentim – dia dedicado aos namorados!!!

1926

Hoje é o Vosso Dia! O dia dos namorados, especial para os amantes, ou seja para aqueles que amam… Hummmmmm e isso sabe tão bem.

É dia de tréguas entre homens e mulheres, é dia de “Love is in the air”, lembram-se da canção? E por isso hoje vou-vos recomendar uma prenda deles para elas. É um livro que me é muito especial, porque é o meu primogénito e que foi publicado o ano passado:

Diferentes formas de … AMAR?

Garanto-vos um sorriso nos lábios no final da leitura!!! É divertido e fala-nos de coisas do coração, da vida e do amor!! São 7 histórias e aqui vai um lamiré sobre cada uma delas…

Seduz-me

Dá-nos a conhecer o João, um homem sofisticado, trintão, culto, atraente, com classe, que ama a sedução pelo prazer incomparável que esta lhe proporciona. A essência da sua vida reside em viver a felicidade plena, no entanto efémera, do seu corpo da sua alma. Ama as mulheres. Nesta história, que é muito mais um pensamento seu, relembra a noite passada em que conheceu uma das suas deusas. Abre-nos o seu coração, mostra-nos a sua entrega total ao que sente.

Adeus

No refúgio imundo e podre onde se abriga, o personagem depara-se com um momento breve de consciência, que lhe permite aperceber-se do que realmente está à sua volta. Ele é um jovem viciado em heroína, que sucumbe de dor ao ver que a sua namorada está ali, morta ao seu lado, em paz. Pensa na sua mãe… sente que o túnel em que entrou é espinhoso e não tem saída; que a vida está a passar ao seu lado sem que ele lhe possa tocar…

Os homens são todos iguais?

Para a personagem principal, que escreve no seu diário, não há nada mais interessante do que a pesquisa que tem feito ao longo das suas 27 primaveras. Ela é tipicamente uma mulher dos anos 90. Independente, bonita, elegante, trata-se bem, mas ainda não encontrou a sua Cara-Metade. Tem observado, no entanto uma série de comportamentos que considera típicos de certos homens, logo o que faz é caracterizá-los de uma forma divertida e satírica (encontramos por ex: o Sacana, o Tímido, o Predador, o Australopiteco, o Sério e Cheio de Princípios, o Ciumento Compulsivo, o Tudo o que vem à rede é peixe, Fala Barato, o Juro a Pés Juntos que Não Sou Casado, o castigador, o Menino da Mamã, entre outros). Apresenta-nos situações e as suas considerações espirituosas sobre o assunto.

When a man loves a woman

Um dia o marido repara que a sua mulher, que ama e está ao seu lado, tem um olhar diferente. Sozinho em casa pensa nas peripécias engraçadas que aconteceram quando se beijaram e fizeram amor pela primeira vez. Tenta descobrir o que se passa de errado… até que descobre e mais não digo!

O Fruto Proibido é o Mais Apetecido

Tudo começa com um telefonema apaixonado do Miguel para a Bela e a promessa de um breve encontro. O Paulo está-se a divorciar e precisa de consolo, que o Miguel não hesita em dar, porque isso significa galhofa, miúdas e noitada. Adora conhecer novas miúdas. Num bar encontra quem era suposto estar em casa a estudar – a Bela com a Carla e dois engatatões. Será que a relação estável que tinha com uma rapariga séria e casadoira, estava só na sua cabeça? Seria corno? Iria descobrir a todo o custo. É uma história divertidissima que não podemos deixar de gostar e até de sentir empatia pelo nosso protagonista flausino, que se encontra completamente desesperado. Até ao fim muita peripécia se desenrolará.

Come-se fria, é doce e não engorda

Na 1ª parte da história a Silvia encanta-se com a sua bebé. Está apaixonada pelo seu novo papel – o de mãe. Relembra o tempo atribulado da sua gravidez e o seu estado de espirito correspondente às fases pelas quais vai passando de uma forma leve e descontraída. Delicia-se com a sua pimpolha , mas entristece ao pensar no pai que a abandonou.

Na 2ª parte há uma mudança em alguém que sofreu e que, com o amor da filha e dos seus pais, renasce numa mulher segura e independente. O progenitor quer assumir a paternidade, no entanto ela sabe como lidar com ele e, apesar de certos sentimentos serem feios, ou menos nobres, por vezes sabem bem e a verdade é que os temos.

Doce Amargo

Um amor doentio de alguém que não reconhece que o ciclo de violência em que vive não é normal. O marido tem 2 caras – a de lobo e a de cordeiro. Ela ama a segunda e finge que não vê a primeira, no entanto são muito graves as coisas que se passam e algo nela começa a mudar.

Nós e Ela

Algo que começa de uma maneira muito casual, evolui para uma paixão fulminante, de caixão à cova. A protagonista é a Sara, o Mário é o seu amor, mas nem tudo é como se imagina, é só preciso olharmos para o título. A Sara encontrou a realização do seu conto de fadas, no entanto não há bela sem senão…

A Autora Fátima Diogo no Dia dos Namorados

A ilusão vale a pena quando a realidade lhe dá a mão.
La Voz De Michoacán, Morelia

Sonhar é pura beatitude, esperar que o sonho se concretize é a via real.
Victor Hugo

E se eu não morresse nunca! E para sempre buscasse e conseguisse a perfeição das coisas?
Cesário Verde

Onde há vontade forte não pode haver grandes dificuldades.
Nicolau Maquiavel

A experiência passada deverá ser um farol a iluminar-nos o caminho e nunca o cais a amarrar-nos.
Ruben Alfonso Ramires

O problema das ilusões é que só percebemos que as temos quando elas se desfazem.
Preeti Sharma

Normalmente, os bons instintos dizem-nos o que devemos fazer muito antes da cabeça lá chegar.
Michael Burke

Podemos apertar o passado tão fortemente contra o peito que ficamos sem braços para abraçar o presente.
Jan Glidewell

Quando uma porta se fecha, o destino abre normalmente outra.
Fernando de Rojas

Não basta amarmos alguém que colocamos num pedestal; é preciso também que a pessoa amada nos guie ao mesmo nível dela.
George Dor

Um dia muito feliz para todos os namorados!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]