500 anos da Descoberta do Brasil por Cristovão Colombo

816
500 anos da Descoberta do Brasil
500 anos da Descoberta do Brasil

Em seguimento das comemorações dos 500 anos da Descoberta do Brasil, está patente no Centro Comercial Colombo, uma exposição sobre os vários estados Brasileiros.

500 anos da Descoberta do Brasil

Para divulgar os vários estados Brasileiros, haverá todas as semanas um destaque a um estado brasileiro, representado com música ao vivo, no átrio principal.

No Centro Comercial Colombo, de 6 de Abril a 3 de Maio, realizar-se-á várias actividades comemorativas dos 500 anos da Descoberta do Brasil. O pintor Jorge dos Anjos expõe “Retrato e Influência da Raça Negra”, no piso 1 está outra exposição de pintura denominada “Homenagem a Vários Brasis”.

Poderá também ver as atracções diárias com Claúdia Martini, a brasileira que entrou no Livro de Recordes, em toques de bola e deliciar-se com a “Rota Gastronómica – Sabores do Nordeste Brasileiro”.

Nos destaques destas Comemorações que se prolongam até Maio, poderá ainda, ficar a conhecer melhor os Estados da Bahia, Ceará, Rio Grande do Norte e Pernambuco.

O Estado da Bahia, foi destacado na semana de 6 a 12 de Abril, com aulas de capoeira, espectáculos de música regional e uma exposição de berimbaus.

Quanto ao Ceará, a homenagem a este estado, será na semana de 13 a 19 de Abril e contará com aulas de dança regional (Forró), espectáculos de música regional ao vivo e uma exposição de arte em areia.

Na semana do estado do Rio Grande do Norte, de 20 a 26 de Abril, haverá aulas de dança típicas, como o Maracatu, ou Araruna e Côco de Roda.

Os espectáculos de música ao vivo serão dedicados a ritmos e festas como o Mamulengo, Bunba Meu Boi e Repentista do Nordeste, sempre acompanhada de uma exposição temática de arte regional.

Por fim, de 27 de Abril a 3 de Maio é a semana de Pernambuco, onde os visitantes poderão aprender a dançar o Frevo, ouvir música tradicional e ainda ver fotografias da arte pernambucana e arte em barro.

Sempre com entrada gratuita, parece-nos um bom “programinha”, para se fazer das 16,30 às 17,30 ou das 19,30 às 21,30.

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]