Aluguer de longa duração – ALD, saiba como funciona

2036
Aluguer de longa duração, ALD
Aluguer de longa duração, ALD

Existem consumidores que recorrem ao Aluguer de Longa duração (ALD), mas não estão interessados na compra definitiva da viatura. Outros recorrem a este método tendo em vista a compra do carro no final, o que significa que este negócio se traduz numa espécie de venda a prestações.

Aluguer de longa duração – ALD

Se pretende adquirir o veículo desta forma tem obrigatoriamente de celebrar dois contratos distintos: um contrato de aluguer e um contrato promessa de compra e venda. Sem este segundo contrato, estará apenas a proceder ao aluguer do carro, o que significa que terá de o devolver no final do aluguer.

No contrato de aluguer têm de constar algumas informações essenciais:

  • A Taxa Anual de encargos efectiva Global (TAEG). É esta taxa que lhe permite conhecer o valor que efectivamente vai pagar;
  • As condições de reembolso do crédito;
  • A possibilidade de pagar antecipadamente todo o valor do veículo, antecipando assim o fim do contrato. Por isso, deve ficar também claro qual o método de cálculo para a correspondente redução do custo do crédito;
  • O período de reflexão em que o consumidor pode desistir do contrato sem necessitar de qualquer justificação;
  • As garantias e o seguro exigido;
  • O montante e a data de vencimento de cada prestação;
  • O número total de prestações e o seu valor final.

Seguro automóvel

Desde que possua um automóvel é obrigado a fazer um seguro de responsabilidade civil perante terceiros.

Atenção! Este seguro apenas cobre os danos causados a terceiros, exclui os danos do condutor culpado e de outros ocupantes do veículo.

Se pretender uma maior cobertura terá de optar por outro tipo de seguro, que já não é obrigatório.

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]