Com o final das férias, prepare-se para o regresso ao trabalho

1375
Fim das férias
Fim das férias

As férias já terminaram para alguns. Regressa-se á cidade, o despertador volta novamente a funcionar, esquecem-se as farras durante a semana. O trabalho espera por si, chegaram o fim das férias!

Chegou o fim das férias

A maioria das pessoas está agora a terminar as suas férias. A velha máxima de que o mês de Agosto é a melhor altura para se fazer férias continua ainda a estar bem viva e enraizada no pensamento português. Por isso, e face à calma que a capital demonstrava há umas semanas atrás, há que estar agora preparada para o corrupio das filas de trânsito intermináveis, buzinas, confusão. A cidade espera-a, e o seu local de trabalho também!

Soube a pouco, mas foi o que se arranjou! O seu espírito terá que se modelar à nova realidade. O tempo voltou a ter novamente importância, contam-se os segundos, e uns meros 5 minutos podem fugir completamente à ideia que você tinha deles em períodos de férias. Recomeçam as miragens ao relógio, a preguiça de se levantar pela manhã, e a vontade de ver a última sessão de cinema na televisão. Porém, amanhã, o trabalho está pronto para a receber!

Com toda a certeza que contará a todos que as férias lhe souberam mesmo bem, estava a precisar delas, mas que lhe souberam a pouco. Possivelmente, o stress voltará a atacar de novo daqui a algum tempo, e pode mesmo começar a irritar-se com quase tudo, principalmente quando a sua colega for de férias e você tiver que ficar a trabalhar.

Vai ter que dizer ‘adeus’ aos petiscos ao fim da tarde, aos copos e romances pela noite dentro, aos momentos em que, simplesmente, estava deitada a ver um filme ou calmamente a ler um livro. Claro que o fim de semana é sempre uma boa altura para descontrair, mas não é a mesma coisa, pois não?

Escrava do despertador, que pela manhã dá para acordar um dormitório inteiro, parece-lhe, inicialmente, que não consegue gerir tão bem o tempo. Não se preocupe, isso é apenas nos primeiros dias em que voltar a trabalhar. Facilmente se habituará! Para trás ficam também os vestidos frescos de Verão, os calções, os chinelos, os tops.

Agora, é tempo de voltar às roupas um pouco mais formais, ao uso de maquilhagem pela manhã, para não parecer que vem a dormir quando chegar ao trabalho, e voltar a proferir o popular ‘Bom dia’ por cada pessoa que encontra quando chega ao local de trabalho. Ainda para mais, trabalha lá tanta gente! E, logo você, que apenas queria dormir mais um pouco!

A verdade é que se o seu espírito durante as férias era bem diferente, não se esqueça que agora é altura de voltar a ser novamente responsável no plano laboral. Há que regressar às suas tarefas habituais, com um espírito bem mais dinâmico, até porque sempre deve ter descansado alguma coisa.

Não há desculpas para dizer que já vem cansada das férias, pois isso revela apenas uma nova necessidade de adaptação ao trabalho e nada mais. Na realidade, você pode fazer as mesmas coisas que fez durante as suas férias, ainda que num período de tempo mais curto. Afinal, para que serve o fim de semana?

Quando chegar ao trabalho é provável que tenha algum trabalho acumulado. Divida-o segundo a importância que ele possa ter, e vá executando-o a partir dessa pirâmide de prioridades. Não queira fazer tudo de uma vez, mas também não deixe arrastar as coisas, dando a desculpa de que ainda precisava de mais férias. Mentalize-se que os momentos de lazer diários culminaram, e que agora é tempo de se agarrar novamente à sua vida quotidiana normal. O lazer fica guardado apenas para o fim de semana!

Vá trabalhar com energia e dinâmica, e não esteja a lamentar-se o dia todo o quanto queria estar ainda de férias. É uma atitude pouco madura e nada realista! Pense que a boa vida não dura para sempre, e que a sua equipa de trabalho também precisa de si. Aliás, lá no fundo, mas mesmo lá no fundo, você até já tinha saudades dessa agitação toda. Verdade?

Agora, vá trabalhar, que as férias de Verão continuarão à sua espera para o ano que vem! Pense que outra época bastante bonita e gratificante chegará em breve: o Natal! E, onde é que vai arranjar dinheiro até lá para comprar aquelas prendas todas se não trabalhar ? Pense nisso, e mãos ao trabalho!

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]