Á Velocidade do Tempo …

3491
Gestão do tempo
Gestão do tempo

O tempo anda mais rápido, que nós. As horas desaparecem, ignorando cruelmente os nossos desejos. Queríamos tanta coisa, mas só temos tempo para algumas. O nosso relógio teima em percorrer as horas mais rápido, do que queríamos. Mas, afinal como se controla o tempo?

Digerimos violentamente todos os momentos do dia. A ânsia de querermos fazer todas as coisas que nos solicitam, acaba por prejudicar a nossa produtividade diária.

Queremos tudo, para no final não termos feito quase nada.

As horas passam ao nosso lado e nem as sentimos. O que pretendíamos realizar em trinta minutos, já leva o dobro do tempo. Aquele telefonema importante não foi feito e, aquele relatório essencial, está uma confusão pegada.

A ilação de toda esta confusão de querer correr contra o tempo, tem a ver com o modo de vida das sociedades modernas. As pessoas raramente descansam, não repousam e, quando o deviam e podiam fazer, limitam-se a preencher o seu escasso tempo, com outras tarefas de igual esforço e desenvolvimento.

Por causa desta luta sufocante do ser humano contra o tempo, os nervos andam “à flor da pele“. A paciência simplesmente desapareceu, o sinónimo de calma já nem sabemos o que significa, e protestar passou a ser o lema a seguir. Daí, que toda a gente discuta com os outros, ninguém se entende e os problemas de sincronia na interpretação dos actos e palavras, são vastos.

O ser humano precisa de compreender, que ao travar uma batalha consigo próprio, todos os dias, está a por em causa a linearidade do tempo. Isto porque se a batalha for extensa, certamente o tempo passará, sem tão pouco mostrar qualquer sinal. Aprenda, a aceitar a realidade e a incapacidade de dominar o tempo, porque este é indomável.

Não pense jamais que, pelo facto de não conseguir realizar aquilo que esquematizou para o seu dia, se é que fez este planeamento, é menos profissional ou menos capaz de desenvolver um projecto. O importante é elevarmos a nossa auto-estima, não nos deixando enfraquecer.

O problema das pessoas é que, em muitos aspectos, não conseguem encontrar o rumo da sua vida, o seu caminho. Por isso, é que se perdem pela escuridão de temíveis emboscadas, às quais não conseguem encontrar solução e, muito menos gerir o tempo. A solução é, saber o que deve ser feito e com que intensidade.

Faça uma planificação, nem que seja mental daquilo que terá que realizar durante o dia. Portanto tenha bem presente que, aquilo que é essencial, leva muito pouco tempo e, quanto mais vezes interromper o trabalho, pior para a sua produção profissional. Faça uma coisa de cada vez e, não insista mais, se passado um tempo não conseguir fazer todo o trabalho.

Tenha a consciência que não pode fazer tudo de uma vez, mas sim dar tempo ao tempo. Siga o provérbio: Devagar se vai ao longe e, deposite todo o seu interesse e empenho no que está a realizar. Descanse no mínimo uma hora por dia, planeie com precisão as suas tarefas e, não esqueça jamais de se alimentar.

O tempo urge, mas aprenda a preenchê-lo organizadamente, sem pressas. Encontre um tempo para trabalhar, outro para descansar e outro para se distrair. Verá que a aparente escassez do tempo, dá para tudo isto e, para muito mais. Basta saber geri-lo e, aproveitá-lo devidamente.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]