1º Prémio Visão Fotojornalismo

2117
Rui Xavier - vencedor premio fotojornalismo
Rui Xavier - vencedor premio fotojornalismo

Rui Xavier tem 27 anos, é natural de Vila do Conde, e foi o vencedor do 1º Prémio Visão Fotojornalismo recebendo um prémio monetário de três mil contos. Actualmente, este fotógrafo profissional é free lancer, trabalhando em Lisboa para o “The Independent”, Time Magazine, DNA e Grande Reportagem.

1º Prémio Visão Fotojornalismo

O Prémio Visão Fotojornalismo é apoiado pela World Press Photo (WPP), e anualmente passará a eleger os melhores fotojornalistas portugueses, abrangendo inúmeros trabalhos publicados na imprensa. Estaremos, assim, perante aquilo que se pode chamar de um verdadeiro retrato fotográfico do país.

Para além do Grande Prémio Siemens Mobile no valor de 3.000 contos, os trabalhos concorreram também a seis categorias, que foram premiadas com 500 contos cada, e cujos os vencedores foram:

  • Reportagem – Rui Xavier, free lancer;
  • Notícias – Luís Barra , revista Visão;
  • Vida Quotidiana – Luiz Carvalho, Jornal Expresso;
  • Retratos – Marcelo Buainain, free lancer;
  • Desporto – Pedro Ferreira, fotógrafo publicitário;
  • Espectáculo – Henrique Delgado, free lancer.

Neste evento de fotojornalismo, Rui Xavier acabaria por acumular o Grande Prémio com o da categoria de Reportagem.

O vencedor viajou para o Reino Unido, tendo tirado entre 1996 e 1997, em Cardiff, no País de Gales, uma pós-graduação em Fotojornalismo. No ano seguinte, trabalhou no “The Independent”, em Londres, tendo regressado a Portugal nos finais de 98.

Quanto aos restantes fotógrafos, que também merecerem um destaque especial, o vencedor da categoria Notícias, Luís Barra, tem 31 anos e o curso do AR.CO, tendo iniciado a sua actividade no extinto Diário Popular. Após ter passado pela Capital, ingressaria na revista Visão em 1994.

Repórter do Expresso, Luiz Carvalho de 46 anos ganhou a categoria Vida Quotidiana. É arquitecto e professor de fotojornalismo da Universidade Autónoma de Lisboa, tendo trabalhado no Primeiro de Janeiro, Tal e Qual, O Jornal e Nova Gente.

Marcelo Buainain é o nome a destacar na categoria de Retrato. Nasceu no Brasil, tem 38 anos, e é free lancer documental, com reportagens publicadas nas revistas Manchete e Veja e no jornal Folha de S. Paulo. Em 2000 lançou o livro “Quantos olhos tem uma alma – Índia”.

A categoria de Desporto foi ganha por Pedro Ferreira, 36 anos. Com o curso do AR.CO, trabalha no Estúdio Ver, Produções e Fotografia, Lda, com trabalhos de publicidade e para a imprensa em geral, em particular com a revista Máxima. Henrique Delgado, 42 anos, é natural do Porto, e venceu a categoria de Espectáculo.

Free lancer, já trabalhou para o Público na redacção do Porto, semanário Já, Vida Mundial, Blitz, City e Diário da Expo 98, e no seu currículo incluem-se diversos prémios.

Ao 1º Prémio Visão Fotojornalismo concorreram mais de 100 candidaturas e cerca de 1.500 trabalhos. Todos eles foram avaliados por um júri, dirigido pelo presidente da Contact Press Images em Nova Iorque e Paris, Robert Pledge, que em 2000 presidiu ao júri do concurso da World Press Photo.

Um olhar enigmático de uma qualidade inegável foi o que estes fotógrafos trouxeram até ao 1º Prémio Visão Fotojornalismo. Para o ano há mais!

Classificação
A sua opinião
[Total: 1 Média: 5]