O Eléctrico do Exílio de Margarida Rios

744
O Eléctrico do Exílio
O Eléctrico do Exílio

O Eléctrico do Exílio de Margarida Rios da Publicações Europa América

O Eléctrico do Exílio

A procura da identidade que teima em fugir. Uma mulher em Portugal no período do Estado Novo. Eis ‘O Eléctrico do Exílio’, uma busca incessantemente do ‘Eu’.

Margarida Rios é uma nova escritora da ficção portuguesa, já reconhecida pelo seu mérito através da atribuição do prémio literário Cidade de Almada. Das Publicações Europa América, este é o primeiro romance de Margarida Rios.

‘O Eléctrico do Exílio’ é a história de uma mulher que procura desesperadamente a sua identidade. Tendo como cenário Portugal, perfumado pela força e poder do Estado Novo, esta mulher vê a sua vida ainda mais conturbada e complexa. Penetrando num universo de exílios, as coisas apresentar-se-ão muito complicadas.

A verdade é que em cada página do livro sente-se a necessidade brusca de encontrar a paz, a ânsia rebelde de construir uma harmonia interior. No meio destas contradições todas, Portugal, e esta mulher, respiram um ar oprimido, onde cada etapa ultrapassada é, mais tarde, um simples passo para trás.

Porém, a busca de identidade vai ter um desfecho que, depois de encontrado, não será tão fácil ser solucionado como se julgava à partida. Mais um ser, mais uma história, igual e tão diferente à de tantas outras pessoas. Simplesmente, uma mulher.

Das Publicações Europa América, e da autoria de Margarida Rios, a história está escrita com muita vivacidade, repleta de diálogos, que dão ao leitor uma visão mais realista e intimista. A juntar aos diálogos, as descrições em cada página abrem-nos as portas para o mundo desta realidade idealizada.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]