O mês de Janeiro

1212

O nome deste mês de Janeiro provêm de ‘Janus’, deus romano que foi dotado por Saturno com a graça de conhecer, no passado e no presente, tudo aquilo que deseja-se.

Este era o deus que presidia à paz e à guerra entre os povos, e era representado por uma cara com duas faces, uma virada para o passado, outra para o futuro, sendo por vezes representado como uma cara com quatro faces – as estações do ano. A imagem possuía ainda uma chave na mão direita, com a qual abria as portas de um templo edificado em sua honra em Roma e que se mantinha sempre fechado em tempo de paz, e na mão esquerda tinha um bastão.

Eram feitas festas em honra deste deus, em que os romanos trocavam presentes e costumavam visitar-se os amigos e familiares no primeiro dia do ano.

Diz o seguinte o livro de S. Cipriano sobre quem nasce neste mês: ‘Os indivíduos nascidos sobre a influência deste signo são de carácter honesto mas considerados  tímidos, a tal ponto que se tornam inábeis para tratar ou dirigir qualquer negócio de responsabilidade.

Os homens prometem ser trigueiros, de cabelos pretos, olhos azuis e pela maior parte de aspecto soberano. Serão desconfiados com tudo e com todos e por isso perderam muitos negócios vantajosos.

As mulheres serão trigueiras, de altura vulgar, muito elegantes e espirituosas. Hão-de ser amantes do luxo, mas boas esposas e boas mães. Se não lhes contrariar a natureza, terão cinco filhos, pelo menos; o seu temperamento será bilioso, assim como o dos homens.

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]