A Flor de Natal, uma presença obrigatória em casa

10690
Flor de Natal
Flor de Natal

Os conhecedores tratam-na por Euphorbia Pulcherrima mas entre nós é conhecida como Flor de Natal ou Estrela de Natal.

Esta flor pertence à família das Euphorbiaceae e caracteriza-se por largas folhas e pétalas, de um vermelho vivo, rosa ou creme, entre outras atingidas através de manipulação genética, e uma larga área de sementes amarelas ao centro da flor.

Esta flor é originária do México e pode, actualmente, ser encontrada em quase todas as floristas e mesmo em hipermercados e é conhecida em todo o mundo como a flor do Natal. Foi introduzida nos Estados Unidos da América por Joel Poinsett, embaixador do México, nos primórdios de 1800.

É uma planta de interior, mas são necessários alguns cuidados devido ao seu teor tóxico, e embora este seja fraco, pode ser causadora de dermatites. Todas as suas partes são venenosas, pelo que não deve deixar que as crianças se aproximem e lhe mexam.

Os possíveis sintomas de envenenamento são dores abdominais acompanhadas de vómitos e diarreia, quando alguma parte da flor é ingerida. Quando em contacto com a planta, a pele pode apresentar vermelhidão, inchaços e borbulhas, irritação que dura apenas alguns minutos, sem gravidade.

Se tem uma Flor de Natal em casa saiba que ela precisa de um solo bem drenado, regado três ou mais vezes por semana e de luz adequada, na medida em que, se for suficiente para si para ler, é suficiente para a planta. Deve protegê-la do calor e luz directa, assim como do vento e das temperaturas frias, embora ela prefira o frio ao calor.

Numa casa aquecida no final do Inverno e se não for regada diariamente, a planta pode perder as folhas. Quando estiver na época de floração, deve também adicionar uma colher de chá de fertilizante à água de rega e aplicar esta solução de duas em duas semanas. Depois de estar florida, é necessário reduzir a quantidade de água de rega e permitir à planta que entre no período de repouso, altura em que temperaturas mais elevadas são permitidas mas sem exageros.

Se tiver um jardim, no final da Primavera, pode dar um novo cenário à sua planta, colocando o vaso enterrado até meio numa área do jardim onde possa receber o Sol, o que irá permitir que ela floresça ainda mais bela mas retire-a para casa antes dos primeiros frios.

Geralmente depois de florescer a planta fica com as folhas muito espaçadas e descaídas. Mantenha a sua Flor de Natal o mais compacta possível retirando todos os rebentos que se desenvolvam até ao meio de Agosto. E depois é esperar pela altura do Natal para ver a sua Flor de Natal florescer em bonitos tons de vermelho e verde.

Conheça também a Lenda da Flor de Natal.

Classificação
A sua opinião
[Total: 3 Média: 3]