Percursos de Observação e Interpretação da Natureza

0 / 30
Percursos de Observação e Interpretação da Natureza

Situado na região do Ribatejo, o Concelho de Constância apresenta áreas naturais de rara beleza paisagística e grande interesse ecológico.

Com o intuito de conservar e valorizar o património natural dessas áreas, a Câmara Municipal de Constância criou cinco percursos pedestres de observação e interpretação da natureza.

Situado na região do Ribatejo, o Concelho de Constância apresenta áreas naturais de rara beleza paisagística e grande interesse ecológico. Com o intuito de conservar e valorizar o património natural dessas áreas, a Câmara Municipal de Constância criou cinco percursos pedestres de observação e interpretação da natureza. Estes percursos, que são guiados, permitem ao visitante observar e interpretar a flora, fauna e geologia locais, assim como a relação homem / natureza.

  • Encosta do Zézere
  • Margem do Tejo
  • Ribeira de Alcolobre
  • Ribeira da Foz
  • Vale das Caldelas

Recomendações

Utilize sempre calçado e roupa confortáveis, um chapéu para o sol e, em caso de chuva, um impermeável.
Deve levar sempre água e, nos percursos de maior extensão, poderá também levar algo leve para comer (fruta, frutos secos, bolachas, etc.).
Não abandone o lixo no campo: leve-o e deposite-o no respectivo local de recolha.
Respeite a vida selvagem e o sossego dos locais (evite fazer barulho e ruídos, não recolha plantas, animais ou rochas).
Use binóculos para observar a vida selvagem, máquina fotográfica e um pequeno caderno para eventuais registos e Guias de Campo para a sua identificação.

Visitas

As visitas serão em grupo e deverão ser marcadas com pelo menos 8 dias de antecedência.

Para escolas e outros grupos organizados é possível a realização de parte de um percurso ou visitas locais.

Google+FacebookTwitterPinterestTumblrPartilhar

ARTIGOS RELACIONADOS