Festa da Música Russa no CCB

0 / 27

Nos dias 27, 28 e 29 de Abril não perca no Centro Cultural de Belém a Festa da Música Russa. Um espectáculo culturalmente único e emotivamente exemplar!

A Festa da Música Russa é uma co-produção do Centro Cultural de Belém em parceria com CREA, Centre de Réalisations et de Recherches Artistiques de Nantes. A decorrer entre os dias 27 e 29 de Abril, a Festa da Música Russa trás até Lisboa interpretações de obras imortais para a música.

No Centro Cultural de Belém vão ser realizados cerca de 130 concertos, num total de 45 minutos cada um deles, em sete salas diferentes. Inúmeros músicos russos, na sua maioria, portugueses e outros estrangeiros, deslocam-se a Lisboa para interpretar o que de melhor a música russa pode oferecer aos amantes desta área cultural.

Recordando todo o ambiente nobre que envolve a Rússia é também de referir a existência de outros acontecimentos, nomeadamente no intervalo destes concertos: projecções de vídeo, venda de discos e de livros, bem como exposições, nomeadamente a do fotógrafo americano Anthony Suau. O visitante poderá ter assim acesso a um vasto leque de factores e elementos que se inserem não só na música russa, como também na totalidade da sua cultura. Basta possuir apenas um bilhete para um concerto para ter acesso a todas estas vertentes culturais.

Nesta Festa da Música Russa encontra de tudo um pouco, por forma a realizar a cobertura completa da área musical russa: música popular, religiosa, piano a solo, música de câmara ou concertos sinfónicos. A recordação de Glinka, o ‘pai’ da música russa, Schnitke, falecido há escassos anos, Mussorski, Tchaikovski, Rachmaninov, Profokiev ou Stravinski, são apenas alguns dos nomes aqui a recordar.

O objectivo do Centro Cultural de Belém é abranger na totalidade os 150 anos de música russa a que se predispuseram de início. E, com tamanha qualidade musical, é mais que provável que isso seja possível! Há ainda o destaque para uma das salas ser exclusivamente dedicada a obras corais religiosas e profanas, interpretadas por um coro de S. Petersburgo, Capella Glinka, outro de Moscovo, Coro do Patriarcado, e ainda outro coro da Estónia, Estonian Philarmonic Chamber Choir.

Todos estes coros são essenciais para o decorrer da festa, mas lógico que não nos podemos esquecer da excelente prestação do Coro Gulbenkian. Estará ainda presente a Orquestra Sinfónica de São Petersburgo, interpretando temas como a ‘Sinfonia Patética’ ou o 1º Concerto para piano de Tchaikovski.

A verdade é que obras conhecidas e outras menos célebres vão deliciar os visitantes do Centro Cultural de Belém nos dias 27, 28 e 29 de Abril, nesta Festa da Música Russa, um ano volvido da homenagem a J. S. Bach. Uma certeza mais que verídica tendo em conta o vasto programa que poderá consultar pormenorizadamente no site do Centro Cultural de Belém, em www.ccb.pt.

Google+FacebookTwitterPinterestTumblrPartilhar

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixar uma resposta