Chegou o Verão

0
987

O Verão é uma época do ano especial em termos alimentares.

Passado o frio, com ele desaparece a necessidade de ingerirmos pratos pesados e confeccionados com mais gordura, tal como o cozido à portuguesa ou a feijoada. No Inverno precisamos também de fazer uma alimentação mais quente e até de comer um pouco mais do que no Verão. Quando está mais frio, a sopa, os legumes cozinhados, a batata, o arroz e a massa são elementos importantes na nossa alimentação.

Chegado o Verão, e com ele o calor, dispensamos a sopa e tudo o que é frio sabe melhor. Assim, quem não tocava em salada, agora fá-lo mais facilmente, principalmente se esta tiver um aspecto bem apetecível. E é exactamente aqui que quem cozinha deve apostar. As saladas podem ser uma festa para o paladar. Para isso é importante que os legumes usados na sua confecção estejam à temperatura ambiente.

Prefira também os vegetais e a fruta bem maduros pois são mais saborosos, normalmente menos ácidos, mais doces e mais ricos em vitaminas e minerais.

Salada montanheira

O tomate chucha bem maduro é particularmente saboroso e pode-se ralar para fazer um bom molho para a salada. Junta-se uma pitada de alho picado, sal, cebola picada, azeite e limão. A seguir corta-se mais tomate, pepino e pimentos aos cubos muito pequenos, junta-se ao molho já preparado, salpica-se com bastantes oregãos e tem-se uma salada deliciosa, muito diferente da salada mista a que estamos habituados. Esta salada é israelo-árabe mas na verdade é muito semelhante à salada montanhesa que encontramos nalguns restaurantes no Algarve. Mesmo que não conste no menu pergunte se lhe podem preparar uma e verá que não se arrepende.

Plantas aromáticas

Use plantas aromáticas para temperar as saladas que faz habitualmente e assim obterá paladares diferentes e mais variedade, o que é sempre apreciado, usando em menor ou maior quantidade conforme goste de sabores mais delicados ou mais acentuados. A salada israelo-árabe fica igualmente deliciosa se a temperar com muita salsa picada ou mangericão em vez dos oregãos. Também pode temperar a salada de alface e cebola com muitos coentros. Outra variante para a salada de tomate ou de pepino, cortados às rodelas finas, é juntar-lhes oregãos.

Verá como ficam diferentes e deliciosas. Para as pessoas que não apreciam muito a cebola na salada, ou que evitam por ser indigesta, podem substitui-la pelo pé verde que nasce na cebola, pois tem um paladar mais suave e é de digestão mais fácil, ou por cebolinho ou ainda um pouco de alho francês. Experimente e verá que também assim varia o sabor das suas saladas habituais.

Uma salada farta é um bom acompanhamento. Ou pode ser o prato principal se lhe juntarmos proteína, tal com frango às lascas, ou atum, ou queijo, ou dois ovos com a gema mole, o que é muito agradável durante o Verão.

Os molhos

Um pouco de maionese ou um molho feito com iogurte e ervas aromáticas, tal como a hortelã, a salsa ou o cebolinho, são molhos muito apreciados. Para aqueles que gostam de experimentar saladas mais audazes podem juntar um pouco de maçã aos cubos pequenos ou nozes às metades, ou ainda algumas passas. Hoje em dia também encontramos uma grande variedade de alfaces que vale a pena experimentar para depois criar as suas saladas favoritas. As saladas comidas em quantidade enchem e são normalmente baixas em calorias, quando comparadas com os restantes acompanhamentos. Por outro lado também ajudam os intestinos a funcionar bem pois têm fibra e água.

Não se esqueça também dos ovos recheados com atum e um pouco de maionese, acompanhados de alface, ou ainda dos tomates ou pimentos crus recheados da mesma maneira. Os pimentos crus recheados com carne também são uma boa alternativa para servir nos dias mais quentes.

Batidos e gelados de frutas

A fruta de Verão é muito variada e saborosa, seja comida à dentada ou à talhada. Bem fresca, quase que gelada é uma óptima sobremesa. Nós portugueses não temos muito o hábito de tomar batidos de frutas, mas estes no Verão são uma delícia e uma óptima alternativa para aqueles que dizem não gostar muito de fruta.

Para engrossar o batido utilize banana bem madura, pois é doce. A esta pode juntar um pouco de iogurte ou leite se gostar, e a seguir a fruta que escolheu. Esta deve estar muito gelada ou até, se preferir, congelada. Pode congelar a fruta já pronta para ser usada, em pequenos sacos, por exemplo alperces ou pêssegos com pele aos pedaços e sem caroço, morangos arranjados e lavados ou abacaxi aos bocados.

Escolha sempre fruta madura pois é mais saborosa e doce e, se necessário, adoce o batido com um pouco de mel, frutose (açúcar extraído da fruta) ou açúcar amarelo.

Todos estes são mais saudáveis que o açúcar branco, que é refinado. Também pode fazer deliciosos gelados só de fruta, que serve deitando por cima um pouco de iogurte e mel, ou disponha-os de forma a enfeitar o gelado e o prato. Para aqueles que apreciam mais a fruta do que as saladas, podem comer um pouco mais de fruta e menos saladas se preferem. A fruta também tem bastante fibra e água e por isso é importante para o bom funcionamento dos intestinos.

As sardinhas

E já que falamos de Verão e de alimentação, use e abuse das sardinhas assadas se gosta, pois são um alimento muito saudável, e até indicadas para quem tem o nível de colesterol elevado. E se estiver em Portimão prove as sardinhas pescadas na zona pois esta cidade algarvia é conhecida como sendo a capital mundial da sardinha.

A todos um bom Verão e uma boa alimentação!

Classificação
A sua opinião
[Total: 0 Média: 0]